16/06/2017

André de Resende nas 2 finais da Taça Alentejo



1ª TAÇA ALENTEJO Feminino
Excelente iniciativa da nova Direcção da A.B.A para promover o basquetebol feminino.

CAMPEÃS        DivinusGormet/André Resende    

TAÇA ALENTEJO Masculino  

  VICE CAMPEÕES  -   André Resende 

13/06/2017

Dia do Minibasket - Évora foi original

Foto de Associação de Basquetebol do Alentejo.
Pais e filhos festejaram juntos o dia do minibasket
   A festa dos miúdos foi promovida pela Associação de Basquetebol do Alentejo e teve a André de Resende como anfitriã. O clube propôs algo original e não podia ter sido mais feliz. Criou um regulamento em que cada equipa teria apenas 5 atletas, tendo pelo menos  um rapaz, uma rapariga e um pai ou mãe. Os jogos decorriam em 2 períodos de 6 minutos e no final os petizes iam comer ou beber água pois as muitas equipas assim o permitiam. O departamento do Desporto Escolar aderiu à ideia e cedeu tendas insufláveis e águas, a empresa de Évora - Fra - ofereceu um bolo gigante e a  manhã foi diferente. A miudagem adorou a ideia, mas muito mais do que os atletas de palmo e meio foram as crianças grandes. Ver Andrii Melnychuck divertido a marcar cestos, os miúdos com menos um metro a tentar defendê-lo, ou alguns pais a festejar o seu cesto enquanto os petizes, mais rápidos lhes marcavam outro levava o pouco público a aplaudir as jogadas.(felizmente porque todos jogavam).
   No final os minis 8 criaram uma equipa orientada por Marina Melnychuck e defrontaram uma equipa de pais. Os minis 10 e 12 fizeram o mesmo e o momento ainda mais alto estava para vir. Sem que tal estivesse previsto, o Sr. Vereador da Câmara – Dr. Eduardo Luciano entrou em campo e demonstrou o que dizia. Foi treinador de basquete no Barreiro e teve uma vida de mais de 20 anos ligado à modalidade. Jogou com tanta alegria que as restantes entidades não resistiram e foram jogar.
Mais do que qualquer discurso naqueles minutos Eduardo Luciano deixou de ser o adulto, o político e passou a viver como todos os presentes a paixão por um desporto e a alegria de ter tantas crianças a comungar o mesmo gosto.
Évora foi diferente, as crianças e os adultos vão querer repetir. A satisfação dos dirigentes da André de Resende não podia ser maior, pois apesar do sucesso a ideia não foi consensual e o trabalho que tiveram para que tudo corresse pelo melhor foi muito intenso.

Laura Martins (médica pediatra), Andrii Melnychuck (treinador) foram alguns dos que afirmaram a sua satisfação pela ideia sugerindo a sua repetição, afinal, pais e filhos a jogar basket juntos é a melhor imagem que o minibasket pode conseguir. Uma ideia para implementar em futuros eventos, mas ...nem todos podem ainda jogar!!!
Foto de GDR André de Resende.

Foto de GDR André de Resende.Foto de GDR André de Resende.
Foto de GDR André de Resende.Foto de GDR André de Resende.Foto de GDR André de Resende.

11/06/2017

André de Resende na Final 4 da Taça Alentejo


É nos momentos difíceis que se veem os grandes homens!
Foto de Elsa Ganhão.

André de Resende 83  Elétrico 48

Parciais: 27-13, 18-11, 18-10 e 20-14

Jogaram: João Ludovino 14, Luís Serrano 5, Miguel Galo 11, Nuno Costa 11, Micael Duarte 16, Diogo Ganhão 26 e Gonçalo Santos 0.

 Elétrico 46  André de Resende 65

Parciais: 13-19, 15-13, 10-16 e 08-16

Jogaram: João Ludovino 14, Luís Serrano 6, Miguel Galo 12, Nuno Costa 5, Micael Duarte 14, Diogo Ganhão 14


   Esta equipa que encerra a época 2016/17 com a participação na Taça Alentejo vai deixar marcas para o futuro. Pode eventualmente nem ganhar a competição, mas não apaga a excelente campanha e essencialmente a marca da mescla de qualidade superior,  técnica mas essencialmente enquanto homens e jovens aprendizes. Os treinadores da equipa senior nem tiveram escolha pois foram estes os atletas que ficaram a encerrar a época e  Nuno Costa, Diogo Ganhão Micael Duarte e Gonçalo Santos só conseguiriam jogar se os mais novos quisessem tanto quanto eles. Luís Serrano e João Ludovino deram imediatamente um passo à frente e mais recentemente Miguel Galo fez o mesmo.

   As lições em basket e valores que os mais velhos passam em cada segundo, cada jogada , para os miúdos impressiona. Na 6ª feira a André de Resende já vencia o Elétrico por 45-24 ao intervalo. No domingo em casa do adversário venciam igualmente por 32-28 deixando a eliminatória praticamente decidida.  Mas a história do 2º jogo merece ainda ser contada.

   A 2 minutos do intervalo Nuno Costa lesiona-se e sai do jogo por precaução. Como reagiria o grupo sem o seu base?

   Diogo Ganhão assumiu a liderança e foi...brilhante! Micael foi o garante, lutador mas essencialmente esclarecido, dando sempre indicações aos mais novos. Nuno Costa no banco foi mais um treinador. Os miúdos já nem conseguiam correr...mas não se atreviam! Luís, Ludovino e Galo jogaram, jogaram, jogaram...muito bem!

06/06/2017

Último jogo da Taça Alentejo ?

Beja  49   André de Resende 127
A Hombridade prevaleceu...

   A história do jogo resume-se a uma disputa muito interessante entre a equipa de sub 16/18 do Beja que adorou jogar contra alguns atletas adversários com uma qualidade senior e que estiveram muito perto de alcançar a subida de divisão. Os miúdos bejenses evoluíram ao longo do jogo e foi notório o seu prazer no final da contenda.
   O atleta Micael Duarte (28) escreveu esta semana algo que espelha o sentimento de um grande jogador onde ele, Diogo Ganhão (52) e  Nuno Costa (16) agradecem a ajuda dos miúdos por lhe terem permitido continuar a jogar.  Luís Serrano (12) e João Ludovino (19) só têm que agradecer aos colegas por lhes terem permitido uma experiência que nunca mais vão esquecer.
   Esquecer deve ser o que esteve para acontecer antes da partida. No início da semana, em reunião de clubes, o Diretor Técnico apresentando uma leitura do regulamento desta competição, equacionou que a André de Resende deveria ser afastada da Taça Alentejo. O clube admitiu fazê-lo, mas reafirmou leitura diferente! O  Presidente da ABA considerou que tal decisão deveria pertencer aos órgãos associativos que decidirão qual a correta interpretação do regulamento de provas. Insistiu que a última jornada decorreria normalmente e aguardava-se pela decisão superior.
   Surpreendentemente nos dias seguintes o seu Diretor Técnico assume posição contrária e tenta por vários meios que o jogo não se realize. Minutos antes da partida a hipótese é colocada, deixando os presentes circunspectos. Como era possível que tal estivesse a acontecer?
O árbitro, os oficiais de mesa e os responsáveis do Beja Basket e da André de Resende decidiram realizar o jogo. Para todos eles e para todos os atletas o nosso apreço e amizade.

Para quem não conhecer as 3 alíneas respeitantes a esta prova, transcrevemos na integra:


“CALENDARIZAÇÃO E REGULAMENTAÇÃO REGIONAL -

ÉPOCA DESPORTIVA   2016/2017
XX Taça do Alentejo,
ponto 5 (página 9) afirma:


 a. Equipas participantes: Equipas Sénior Masculino e sub18 filiadas na AB Alentejo e nas associações limítrofes.


i. Equipas Sub18 podem utilizar 3 atletas com idade sénior.


ii. Nenhum atleta pode jogar em 2 equipas diferentes.



Neste sentido e consultado um advogado do clube ficou claro que:


a)    Qualquer equipa de sénior ou sub18 masculina poderia participar;


b)    Qualquer atleta com idade de sub16 e subida de escalão a sub 18 poderia participar;


c)    Nenhum atleta poderia participar em duas equipas caso o seu clube assim se apresentasse.


Sub 14 - Jornada concentrada em Reguengos

   A André de Resende voltou a apresentar-se nesta actividade com a mesma filosofia de divertimento dos seus jovens. Estes foram divididos em 3 equipas e jogaram um período cada. os mais velhos confirmaram a enorme evolução técnica ao longo da época e as raparigas chegaram mesmo a vencer um dos parciais com Reguengos. Se estes atletas impressionaram, mais o fizeram os sub 12 pois os vários espectadores ao jogo que no final trocavam impressões sobre os petizes não queriam acreditar que  haviam sido preteridos da selecção de sub 12 do Alentejo. Estes jovens já não estão assim incluídos nos melhores 16 da sua região.
   Muitas reclamações têm chegado sobre alguns factos relacionados com a seleção de sub 12 masculina. A todos queremos informar que não cabe ao clube a responsabilidade pelos factos ocorridos. A única posição foi dar conta da indignação aos responsáveis associativos. Resta-nos aceitar as escolhas e tentar junto das crianças uma abordagem para que aceitem algo que dificilmente conseguimos explicar.

Foi com grande surpresa que as três crianças afastadas do grupo de 16 são curiosamente do mesmo clube. A mensagem para Tiago Figueira, Gustavo Antunes e Rui Ramalhinho: No desporto há que aceitar reveses e crescer com eles!

Dia Nacional do Minibasket em Évora

  Escola André de Resende



Dia Nacional minibasquete 2017 / 10 Junho
Programa

09:00 – 09:30 – Chegada das equipas

09:30 reunião de treinadores/responsáveis/pais e mães atletas

10:00 – Início dos jogos

12:15 – Foto final e cerimónia de Encerramento com a previsível presença do Sr. Presidente da
              Câmara Municipal de Évora

Informações

1.       As equipas deverão ser mistas (privilegiar sempre que possível, pelo menos, 1 rapariga ou 1 rapaz em campo e um pai/mãe);
2.       Constituição da Equipas: propomos equipas de 6 atletas que incluam rapaz, rapariga e pai/mãe que também jogará.
3.       Os jogos serão de 4x4 (mini 8 inclui sempre um pai/mãe) e 4x4 (no mini 10 e minis 12 pai /mãe jogará como qualquer outro atleta)
4.       Duração do jogo:  2 períodos x 8 minutos corridos  (prevêem-se muitas equipas
5.       Não são permitidos descontos de tempo
6.       Substituições :  Podem ser realizadas em qualquer momento  e todos os atletas deverão jogar pelo menos 1 período.
7.       Actividades paralelas: Nos campos exteriores haverá concursos de lances livres e lançamentos
8.       T’shirts- Serão distribuídas t-shirts a todos os participantes
As crianças que não estiverem enquadradas por clubes farão equipa com um responsável da André de Resende.

30/05/2017

Enorme orgulho nestes rapazes!

André de Resende 77    x  Salesianos 46
Foto de Elsa Ganhão.
Parciais: 27-14, 22-04, 16-12 e 12-16
Jogaram: João Ludovino 7, Luís Serrano 6, Micael Duarte 10, Nuno Costa 13, Diogo Ganhão 43 e Gonçalo Santos .
   Mais uma vitória na taça Alentejo desta vez sobre os Salesianos 77-46. No 4º jogo em 8 dias os 6 briosos atelas voltaram a mostrar a qualidade impar que têm ao registar 49- 18 ao intervalo. Uma defesa muito pressionante e interpretada com enorme inteligência provocou inúmeras perdas de bola ao adversário. Na 2ª parte o cansaço aumentou e o discernimento diminui tornando o jogo muito confuso e com pouca qualidade.
   As lesões de Micael (que terminou o jogo em enorme sofrimento) e Gonçalo Santos com o sobrolho aberto (num lance fortuito) deixaram os miúdos a liderar o jogo. Diogo Ganhão já tinha 29 pontos ao intervalo mais 12 na 2ª parte. Nuno Costa voltou a ser o base sóbrio e inteligente e os miúdos Luís Serrano e João Ludovino começaram a dar sinais de cansaço após os 4 jogos a actuar com intensidade elevada e a serem determinantes na qualidade da equipa. Eles sentem orgulho e vaidade de ter participado, os colegas sentem alegria de poder ter continuado em competição. Os adversários reconheceram-lhes o mérito da vitória.
   Para além das lesões o lado novamente negativo foram os 6 falhanços em situações de atletas isolados em contra ataque. Só pode ter uma explicação física ou psicológica!
   As exibições e os resultados obtidos têm merecido o elogio da maioria dos que têm visto ou defrontado este grupo de atletas.

André de Resende 111  x Grândola  44
Parciais: 30-15, 22-09, 33-12 e 26-08
Jogaram: João Ludovino 11, Luís Serrano 18, Nuno Costa 07 , Diogo Ganhão 67 e Gonçalo Santos 8 .
   Jogo disputado com enorme prazer por ambas as equipas sem grandes preocupações táticas.

Torneio de minibasket Capitão Godinho

Participaram:  Juventude x André de Resende x Ajes x Reguengos x Scalipus


Iniciou-se o Torneio Encerramento de sub 14 cuja primeira jornada foi nos Salesianos e que teve igualmente a participação do Beja. O modelo de jogo informal que se pretendia foi bem conseguido pela André de Resende que dividiu os seus jovens em 3 equipas e todos participaram de forma igual. Em cada período de jogo entrava uma equipa. Uma tarde bem passada para a nossa miudagem, conforme se comprova nos videos divulgados na nossa página de facebook.

29/05/2017

Texto de Micael Duarte...merece ser lido e refletido !!!

   O texto abaixo foi escrito por um jogador mais velho que a dois meses do final da época viu dois terços do seus colegas deixarem de treinar quando terminou o campeonato nacional. Na competição regional apenas 2 dos mais jovens ajudaram os quatro seniores a competir. Por modéstia não refere que os seis apenas perderam com um dos rivais e por margens mínimas.
Foto de GDR André de Resende.
   Poderia escrever aqui mil e uma coisa mas provavelmente a meio já todos tinham deixado de ler. Da minha parte só tenho a agradecer ao Joao Ludovino e ao Luís Serrano principalmente por permitirem que os velhos ainda possam estar em competição pois se não fossem eles já estaríamos todos de férias. Eles são o futuro se quiserem continuar a praticar, só é pena não terem mais quem os acompanhe nesta experiência que os têm feito evoluir enquanto jogadores. Eu na idade deles nunca tive estas oportunidades e não tive a sorte que muitos têm hoje em dia, que jogam mais do que treinam, se eu queria jogar 5 minutinhos tinha de dar mais que o meu máximo nos treinos e demonstrar que merecia esses minutos e passei muitos jogos sem meter os pézinhos dentro de campo.
   Hoje a mentalidade de grande parte dos jovens é outra. Há pouco esforço, parece que não têm vontade de aprender mais, não há "sacrifício" físico e pessoal para ajudar os colegas, muitos demonstram que ganhar ou perder é igual...Eu enquanto os meus pézinhos me permitirem irei dar sempre o meu máximo mas quero fazê-lo com quem demonstre que têm atitude, vontade de lutar e ganhar sempre e pelo menos os que temos estados têm demonstrado isso. Obrigado a eles.
Micael Duarte

28/05/2017

Atletas da André de Resende nos treinos da seleção sub 12 Alentejo

 

San Payo Araújo e Capitão Godinho: dois SENHORES Minibasquete



Alguns dos nossos tiveram a oportunidade de conhecer o Senhor minibasquete. Alguns deles ainda não tinham tido a sorte e provavelmente só daqui a uns tempos entenderão o real significado de posar ao lado de alguém que dedicou uma vida ao jogo de lançar ao cesto por crianças. Os Jamborees surgem em Portugal pela sua mão e este homem esteve em Évora para homenagear uma das figuras mais emblemáticas do basquetebol Eborense: Capitão Godinho!